Bairro da Liberdade vira cenário para nova série nacional da Netflix

A próxima série original brasileira da Netflix, Spectros, terá como ponto de partida o bairro da Liberdade, em São Paulo, mas o roteiro passa longe de abordar a arquitetura e comunidade japonesa, considerados símbolos da região.  Desenvolvida pela produtora brasileira, Moonshot Pictures em parceria com o escritor e diretor, Douglas Petrie, responsável pelo sucesso Buffy, a Caça-Vampirostambém roteirista das séries American Horror Story:Coven e  CSI: Investigação Criminal.

Durante o período colonial, a região era conhecida por ser o local para enforcamentos e torturas de escravos e basta fazer uma rápida pesquisa, para achar diversas lendas sobre espíritos vingativos.  Macabro, não?  Esse gancho parece ser o escolhido para a primeira temporada da série, onde o público acompanha um thriller sobrenatural que desvenda as histórias enterradas há séculos no bairro.  A série gira em torno de um grupo de cinco adolescentes acidentalmente atraídos para uma realidade sobrenatural que eles não podem compreender e que se conecta ao mesmo local da cidade em 1908 e o grupo de amigos chegam a conclusão que espíritos querem se vingar por erros do passado.  “Spectros é uma mistura incrível do folclore brasileiro e a História, com elementos dos contos de fantasmas japoneses mais assustadores que encontramos, representada pelas ruas coloridas da Liberdade e vista pelos olhos de adolescentes. Uau!”, disse o diretor e roteirista Doug Petrie.  A produção de Spectros começa a ser gravada em novembro e a estreia acontece exclusivamente na Netflix no mundo todo em 2019. “Spectros nos trará histórias únicas, profundamente enraizadas na cultura brasileira, que abordam temas universais  de amor, vingança e redenção, tornando-se um espetáculo emocionante para todos. Estamos entusiasmados para mostrar histórias nunca contadas sobre a Liberdade aos assinantes da Netflix no mundo todo, enquanto revelamos as muitas facetas da maior cidade da América Latina”, disse Erik Barmack, Vice-Presidente de Conteúdo Original Internacional da Netflix.

Baseada no conceito desenvolvido por Michael Ruman, Anderson Almeida e Antônio de Freitas, a série foi criada e escrita por Douglas Petrie, que também supervisiona os roteiros no papel de produtor executivo e diretor. O time de roteiristas conta ainda com Michael Ruman, Anderson Almeida, Antônio de Freitas, Janaína Tokitaka e Paula Knudsen. “Spectros” será produzida pela Moonshot Pictures, com Roberto D’Avila e Suraia Lenktaitis como produtores. Integrará o mais uma série original Netflix produzida no Brasil, como 3%, O Mecanismo, Samantha!, Coisa Mais Linda, Sintonia, Ninguém Está Olhando, Super Drags, Cidades Invisíveis, A Facção e O Escolhido.

 

Post Author: Vanessa Luckaschek

Formada em Jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi, faz aniversário em Setembro e sempre está lendo alguma coisa. É fã de cinema, games, tecnologia e esportes. Gosta de escrever e sempre está em busca de pautas legais para uma próxima matéria. É editora no Caderno Nerd e responsável pela criação do site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *