CCXP18 | Edição bate record de público e é transmitida para mais de 55 países

A CCXP18 terminou neste domingo, 9, e os primeiros números sobre a edição já foram revelados.  Durante os cinco dias de evento, incluindo a noite de abertura, passaram pelo São Paulo Expo 262 mil visitantes.  Deste total,  50% é apenas de moradores do estado de São Paulo.  A primeira nota de divulgação também apontou sobre a distribuição do público –  55% correspondeu a homens e 45% foi feminino, mas ao comparar por faixa etária, até 25 anos, as mulheres representam a maioria em relação ao sexo oposto.

A edição também bateu record em número de convidados internacionais -o principal auditório do evento, Cinemark XD, recebeu a presença de Jake Gyllenhaal, Sandra Bullock, Zachary Levi, Tom Holland, Brie Larson, Ellen Page, Michael B. Jordan, Sebastian Stan, Ellen Page e Tom Holland, entre outros, totalizando 42 delegações de Hollywood. “Não foi por acaso que nos tornamos o centro das atenções do mundo quando estamos falando em lançamentos de cultura pop. A CCXP cresceu e hoje estamos inclusive chegando a outro continente. Queremos que o mundo conheça a qualidade de entrega do Brasil quando o assunto é o universo do entretenimento. Todos os estúdios estão aqui nos prestigiando e trazendo seus conteúdos ainda não vistos por outros países”, afirma Pierre Mantovani, CEO da Omelete Company.

As 103 marcas presentes na CCXP18 produziram ativações especiais para receber um público bastante exigente. Destas, cinco eram patrocinadoras e oito apoiadoras. Da cenografia à qualidade da programação, os visitantes tiveram experiências que iam desde uma simulação da série Casa do Papel, de NETFLIX; a fotos em cenografias de filmes da Disney/Pixar como Alladin, Toy Story 4 e Dumbo; até a vivência de realidade virtual para pouso de helicóptero promovida pela Globoplay, que trouxe a série a “Ilha de Ferro” para o seu espaço. O robô Bumblebee, que tem sua estreia na tela grande em 25 de dezembro, marcou presença na área da Hasbro.

Considerada como o coração do evento, a Artists’ Alley contou com um total 530 quadrinistas que levaram sua expressão para a CCXP. Por lá foi possível trocar ideia e apreciar mais de perto o trabalho de artistas como os quadrinistas brasileiros,Fábio Moon, Gabriel Bá e Felipe Folgosi e o norte americano, Scott Lobdell , responsável pelo “Era de Apocalypse”, da Marvel Comics. A edição também apostou em um novo espaço, o Creators Stage, que recebeu mais de 120 nomes entre celebridades da TV e criadores de conteúdo para uma programação diversificada que ia desde aulas de gastronomia, talks show, apresentações musicais e outras atividades.

De acordo com a organização do evento, a estimativa é que, somados, o faturamento das marcas, chegue a R$ 50 milhões. Ainda em números, a CCXP18 gerou um total de 10 mil empregos, entre diretos e indiretos. “Além da geração de emprego, que é de grande importância para a nossa economia local, trazemos um outro número extremamente relevante, que é o de turistas. O impacto econômico que causamos é estimado em R$ 100 milhões. Para o próximo ano, já estamos trabalhando para ampliarmos ainda mais as entregas tanto para o público quanto para os nossos parceiros nesse evento épico. Todos podem se preparar”, afirma Mantovani contando em primeira mão que a CCXP 2019 acontecerá de 5 a 8 de dezembro.

Transmissão da CCXP18 chega a 55 países – Foram quatro dias de evento, com um total de 41 horas de programação ininterrupta e 120 horas de live para o canal do Youtube Omeleteve, com um alcance potencial de 100 milhões de pessoas. “Para alcançarmos este número estrondoso, utilizamos a mesma tecnologia de grandes eventos, como Copa do Mundo e Jogos Olímpicos. Uma unidade móvel ficou dedicada ao Omelete para garantir toda a qualidade que precisávamos. Assim, conseguimos levar conteúdo produzido no Brasil, diretamente da CCXP18, para nada menos que 55 países. Estou realmente comemorando este alcance”, garante Roberto Fabri, CCO da Omelete Company.

Estrelas de Hollywood – O último dia de Auditório Thunder Cinemark XD começou com a Warner, que levou à loucura os fãs de Michael B. Jordan, Tessa Thompson e Florian Munteanu. Os três falaram sobre a continuação da franquia Rocky Balboa, Creed II, cuja pré-estreia aconteceu no festival, repetindo a experiência de primeira sessão ao público no evento, assim como no anterior.  Outra estrela do painel foi Zachary Levi, que interpreta Shazam. O ator se diz emocionado por entrar para o universo da DC Comics: “Shazam! é sobre a criança interior, um menino que se descobre um super-herói. É um filme muito divertido, com um protagonista bastante espirituoso”. Já a Netflix brindou o público com a exibição de “Caixa de pássaros”, que estreia na plataforma dia 21 de dezembro. O estúdio trouxe também Sandra Bullock, uma das estrelas mais aguardadas do evento e parte do elenco da série Stranger Things.

No último dia do festival, o público também pode conhecer o vencedor o melhor Cosplayer do Brasil. Júlio César Shirou, cosplay do personagem Link, da série de games The Legend of Zelda, levou o título e também um Ford Ka Sedan SE Plus 1.0 Zero km.  O Auditório Prime recebeu os consagrados artistas Lee Weeks e Peter Milligan para masterclasses. Mike Deodato Jr. também esteve presente no espaço e se emocionou ao ser questionado por um fã se continuaria a trabalhar com o personagem Flama, criado por ele.

E-Sports A Game Arena recebeu a final do Torneio Universitário de eSports do jogo CS: GO. O time da PUC-SP enfrentou a equipe da UTFPR, que se consagrou a campeã. Já no Auditório Ultra o painel mais disputado foi a homenagem ao legado de Stan Lee. Os convidados, Marcio Takara, Mike Deodato, Leonardo Romero, RB Silva e Adriano Di Benedetto, contaram sobre os títulos que estão trabalhando atualmente e quais foram seus primeiros contatos com o universo do icônico gênio da Marvel Comics.

Post Author: Vanessa Luckaschek

Formada em Jornalismo pela Universidade Anhembi Morumbi, faz aniversário em Setembro e sempre está lendo alguma coisa. É fã de cinema, games, tecnologia e esportes. Gosta de escrever e sempre está em busca de pautas legais para uma próxima matéria. É editora no Caderno Nerd e responsável pela criação do site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *